Destaques Notas

Regional Sul 1 da CNBB emite nota de pesar pela morte de Mario Ottoboni, fundador da APAC

Foto: Divulgação

O advogado morreu aos 87 anos, na madrugada desta segunda-feira (14). Ottoboni estava internado em estado grave na UTI de um hospital em São José dos Campos.

O Regional Sul 1 da CNBB publicou uma nota de pesar pelo falecimento do advogado Mario Ottoboni, morto na madrugada desta segunda-feira (14), em um hospital em São José dos Campos. Confira abaixo a nota do Regional na íntegra:

NOTA DE CONDOLÊNCIAS

Por ocasião do falecimento do Dr. Mário Ottoboni, o Regional Sul 1 da CNBB se une à Diocese de São José dos Campos e a seu bispo, Dom José Valmor César Teixeira, rogando a Deus que acolha e recompense esse grande homem, que fez história na defesa da dignidade dos irmãos e irmãs encarcerados e no esforço de humanização dos presídios.

Dr. Mário Ottoboni criou, em 1972, em São José dos Campos, o método APAC – Associação de Proteção e Assistência aos Condenados. Ele mesmo administrou o primeiro presídio sem a utilização de policiais, segundo o método APAC, que, a partir daí, se espalhou em outros Estados do Brasil.

Dr. Mário teve como colaborador seu amigo Franz de Castro Holzwarth, que foi martirizado em defesa dos presos, no dia 14 de fevereiro de 1981, e cujo processo de beatificação foi instaurado em 6 de março de 2009, na Diocese Joseense, sob a orientação de Dom Moacir Silva.
Dr. Mário e Franz representam, para a Pastoral Carcerária Estadual, modelos a serem seguidos, fontes de inspiração e intercessores junto de Deus para que se possa perseverar diante de tantos desafios.

Que a paz de Deus reine em nossos corações, nas famílias, na Igreja e nos presídios.

Dom Pedro Luiz Stringhini
Bispo de Mogi das Cruzes
Presidente do Regional Sul 1 da CNBB

Mogi das Cruzes, 14 de janeiro de 2019

 

Falece Mario Ottoboni, amigo de Franz de Castro Holzwarth e fundador da APAC

Palavra do Presidente

Facebook

Assine nossa newsletter